27 março 2009

Ex-Presidiário é Presenteado com Prisão !

Felizmente para o bem de todos e felicidade geral da nação, no dia 27/03/2009 (sexta-feira), data do aniversário do ex-presidiário Weverton Miranda Lima, 19 anos, vulgo “Evinha”, o mesmo foi preso em sua residência na Rua Jamari, nº 2499, bairro Nova Esperança, aonde em endereço novo vinha comercializando entorpecentes a uma semana. A equipe de inteligência da Policia Militar, então de posse do Mandado de Busca e Apreensão, expedido pelo Exmo. Drº George Hamilton Lins Barroso – Juiz de Direito da Comarca de Humaitá-Am, adentrou na casa do acusado e efetuou a apreensão de 50g (cinqüenta) gramas de cocaína; 01 (uma) Espingarda calibre 22 e 36 (trinta e seis) Munições calibre 22 intactas. “Evinha”, como é conhecido é frio e calculista.

Consta no boletim Único de Ocorrência que após denúncia via (97) 8121-0285, a informação delatava que “Evinha”, estava comercializando substância entorpecente em seu novo endereço, a equipe de inteligência logo tratou de identificar o endereço do acusado, constatou-se então o entra e sai de viciados (consumidores) em sua residência. No exato momento da chegada da equipe da PM, o acusado assustou-se e tentou empreender fuga querendo livrar-se do flagrante, jogando droga no mato, mas foi capturado. Toda a ação da PM foi filmada e fotografada, “Evinha” delatou seu fornecedor, que tão logo identificado será preso em seguida.

Os Comandantes de policiamento de toda região sul do estado do Amazonas, Tenente Coronel Piccolotto – Cmt do CPR-SUL e o Capitão Gioia – Cmt da 4ª CIPM, solicitaram através de ofício, o Mandado de Busca e Apreensão ao supracitado Juiz da Comarca de Humaitá-am, com objetivo de erradicar atos ilícitos como o Tráfico de Drogas e Porte Ilegal de Armas. Vale ressaltar que “Evinha” é um velho conhecido do mundo crime, desde quando era menor, pois o referido cidadão infrator já foi preso pela PM diversas vezes praticando o mesmo crime.

Sua última prisão se deu no dia 28/12/2008 (domingo), onde foram encontrados no armário da cozinha de sua casa aproximadamente 500 gramas de barrilha (produto que serve para misturar e confeccionar entorpecente), R$ 280 reais, vários sacos de plásticos recortados, linha de costura e tesoura.

A Policia Militar (4ª CIPM), em nome de seu Comandante só tem a agradecer a população de Humaitá-Am pela coragem e confiança no trabalho. Polícia Militar e Comunidade juntas – É a eficiência a serviço do cidadão. Continuem denunciando (97) 8121-0285 ou 190 (emergência).

Fonte: Assessoria de Comunicação da PM de Humaitá-Am.