28 julho 2009

Concurso da Polícia Federal - Lançado os Editais

A Polícia Federal (PF) lançou no último dia (24), os editais para concursos de escrivão e agente, disponibilizando, respectivamente, 400 e 200 vagas para as funções. O salário inicial é de R$ 7.514,33 para ambos os cargos, que estão, por motivos óbvios, entre os mais cobiçados entre os concurseiros policiais. Como de costume, disponibilizamos aqui os detalhes para que você saiba tudo sobre os procedimentos de realização do concurso.

Das Inscrições

Com um custo de R$ 110,00 reais, as inscrições estarão disponíveis de 03 a 18 de agosto, no site da CESPE/UnB, que é a responsável pela realização do concurso. Para se inscrever para o cargo de escrivão, você deve acessar o endereço http://www.cespe.unb.br/concursos/dpfescrivao2009. Já o cargo de agente terá suas incrições disponíveisno endereço http://www.cespe.unb.br/concursos/dpfagente2009. Mas antes de se inscrever, é importante você estar ciente dos requisitos exigidos para ingresso e posse na PF:

  1. Conclusão de curso superior em nível de graduação;
  2. Ter sido aprovado no concurso e não ter sido eliminado na investigação social e/ou funcional;
  3. Ter nacionalidade brasileira ou portuguesa;
  4. Estar em dia com as obrigações eleitorais;
  5. Apresentar certificado de reservista ou de dispensa de incorporação;
  6. Possuir carteira de identidade civil e carteira nacional de habilitação, categoria “B”, no mínimo;
  7. Ter idade mínima de dezoito anos completos, na data de matrícula no Curso de Formação Profissional;
  8. Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo;
  9. Cumprir as determinações do edital.

Da 1ª Etapa

Os concursos são divididos em duas etapas. A primeira delas se refere à admissão à matrícula no Curso de Formação Profissional, e abrange as seguintes fases:
  1. Exame de habilidades e conhecimentos aferidos por meio de aplicação de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório;
  2. Exame de habilidades e conhecimentos aferidos por meio de aplicação de prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório;
  3. Avaliação psicológica, de caráter unicamente eliminatório;
  4. Exame médico, de caráter unicamente eliminatório;
  5. Exame de aptidão física, de caráter unicamente eliminatório;
  6. Prova prática de digitação (apenas para o cargo de escrivão).
Percebam que as fases da 1ª Etapa se referem ao que se exige nos demais concursos policiais, com a exceção da prova prática de digitação no caso dos que almejam o cargo de escrivão.

O que se deve estudar?

O exame de conhecimentos, previsto para ser realizado no dia 13 de setembro, grande desafio de qualquer concurso, terá 120 questões em sua parte objetiva e exigirá do candidato assinalar “Certo” ou “Errado” em cada uma. Além disso, há a prova discursiva, um texto narrativo, dissertativo ou descritivo, com, no máximo, 30 linhas, com base em um tema dado na própria prova.
Abaixo, o conteúdo pedido para a prova objetiva do cargo de Agente PF:
  1. Língua Portuguesa;
  2. Noções de Informática;
  3. Atualidades;
  4. Raciocínio Lógico;
  5. Noções de Administração;
  6. Noções de Microeconomia;
  7. Noções de Contabilidade Geral;
  8. Noções de Direito Penal;
  9. Noções de Direito Processual Penal;
  10. Noções de Direito Administrativo;
  11. Noções de Direito Constitucional;
  12. Legislação Especial.
Abaixo, o conteúdo pedido para a prova objetiva do cargo de Escrivão PF:
  1. Língua Portuguesa;
  2. Noções de Informática;
  3. Arquivologia;
  4. Atualidades;
  5. Raciocínio Lógico;
  6. Noções de Administração;
  7. Noções de Direito Penal;
  8. Noções de Direito Processual Penal;
  9. Noções de Direito Administrativo;
  10. Noções de Direito Constitucional;
  11. Legislação Especial.

Da 2ª Fase

A segunda etapa do concurso consiste no Curso de Formação, de caráter eliminatório, a ser realizado no Distrito Federal, na Academia Nacional de Polícia. O regime é de internato ou semi/internato, exigindo dedicação integral do aluno. Não precisa se preocupar com a estadia em Brasília durante o curso, já que o edital garante alojamento para os candidatos.
Lembro da importância de estar bem classificado entre os candidatos que realizarão o curso, já que a escolha da localidade de trabalho depende da classificação no final do curso. Entretanto, os formandos só poderão atuar na Amazônia Legal, em unidades de fronteira e no estado do Mato Grosso do Sul.
Recapitulando, vejam as principais informações sobre o concurso:
Inscrições - De 03 a 18 de agosto 2009;
Escrivão: 400 vagas;
Agente: 200 vagas;
Salário Inicial - R$ 7.514,33;
Vagas - 600;
Taxa de inscrição - R$ 110 reais;
Prova - 13 de setembro 2009.

Os locais e os horários de realização das provas serão publicados no Diário Oficial da União e divulgados na Internet, no site da CESPE na data provável de 02 de setembro de 2009.


Fonte e Fotos: Blog www.abordagempolicial.com