02 novembro 2009

Nova fuga no presídio de Humaitá-Am


Parece notícia velha, mas, infelizmente não é. Mais uma vez a população tem que ser informada de mais uma fuga ocorrida na Unidade Prisional de Humaitá-Am.

As constantes fugas demostram a fragilidade do sistema carcerário da cidade, colocam a população em risco, pois ninguém pode prever o que um fugitivo destes é capaz em um momento de desespero, põe por terra todo o trabalho que a polícia teve para tirá-los do convívio da sociedade e desvia a atenção de outros crimes para o esforço em recapturá-los.

Desta vez, a fuga não foi muito diferente do que das outras vezes. Na madrugada do dia 01/10, por volta das 04 horas, eles aproveitaram o barulho da forte chuva que caia no momento e serraram uma grade do Pavilhão "B" e pularam o muro com o auxílio de uma "Teresa" (corda improvisada feita com lençois).

Quatro detentos conseguiram fugir: Douglas Rodrigues Neves, Edson Melo, João Prado e Robson Santos Silva. Todos presos acusados de cometer assaltos.

O assaltante João Prado completa com essa, sua TERCEIRA fuga da Unidade Prisional.

O Diretor do presídio já havia expedido documento informando a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas sobre as péssimas condições estruturais em que se enconta o presídio. "Apenas reformar não adianta; tem que construir outro! Do jeito que está, só fica preso quem quer", afirmou um policial.

A Polícia já iniciou as buscas aos foragidos e pede o auxílio da população para ajudá-los nesta empreitada.

Quem tiver informações que possam levar ao paradeiro dos foragidos, pode ligar para o 190 ou para o disk-denúncia (97) 8111-1110. Quem faz a denúncia não precisa se identificar. 


Fonte: Jornal O Curumim

Foto: PM de Humaitá-Am