24 novembro 2009

PM prende acusado de Homicídio em Humaitá-Am


Após final de semana agitado em Humaitá-Am, por volta das 17h00min do último dia (22/11), domingo, a guarnição de serviço recebeu um informe de que havia um cidadão esfaqueado no bairro Nova Esperança, ao chegar ao local constatou-se que a vítima Antônio Pereira da Silva, 39 anos, jogada ao chão, apresentava dois orifícios na parte superior do tórax, lado esquerdo, provavelmente produzido por um esfaqueamento com arma branca (faca).

A vítima, que era o atual companheiro da Srª. Sebastiana Sales da Silva, 39 anos, testemunha do fato, foi esfaqueado pelo ex-companheiro da Sr.ª Sebastiana, o cidadão infrator João Batista da Silva, 59 anos, vulgo "Botinão" por motivo fútil, ambos residentes do bairro Nova Esperança, o motivo era uma velha rixa entre ambos.


Segundo a testemunha Srª. Sebastiana, o acusado e vítima estavam embebedando-se desde às 09h00min da manhã (22/11), na Rua marechal Rondon, bairro Nova Esperança, quando então começaram a desentender-se e entraram em vias de fato (luta corporal), daí o acusado sendo mais idoso correu até sua residência e pegou uma arma branca (faca) e retornou ao local, onde a vítima estava com outra arma branca (terçado), lutaram e mesmo estando com visíveis sintomas de embriaguez, o acusado conseguiu golpear a vítima, que foi levada ao hospital na viatura da PM, não resistindo aos ferimentos e veio a óbito, já chegando sem sinais vitais ao pronto socorro.

Os policiais militares de Humaitá-Am (4ª CIPM), saíram na captura do acusado e obtiveram êxito, prendendo-o em flagrante delito, de posse da arma branca ainda ensanguentada, o mesmo foi conduzido para a 8ª DRPC, onde aguardara a lavratura do flagrante e respondera pelo crime de homicídio.

O Tenente Coronel PM Piccolotto e o Capitão PM Gioia, reafirmam que os policiais militares de Humaitá-Am, estão preparados para qualquer situação de extremo risco, dando sempre respostas imediatas em praticamente todas as ocorrências que são acionados. Devido ao alto grau de profissionalismo e comprometimento com instituição, engrandecendo com isso a credibilidade da PM perante a população.

Fonte: Assessoria de Comunicação da PM de Humaitá-Am
Foto: Repórter Cobra