31 janeiro 2010

Operação Andaraí: Polícia prende 5 e apreende arma de fogo

Por Romilson Azevedo

Depois de passar uma noite de perturbação e se sentir transtornada com os tormentos dos vândalos naquela região, a comunidade do Andaraí, localizada no Bairro de São Domingos Sávio, recorreu a policia militar na noite de quinta-feira (28), onde na ocasião encontravam-se um grupo de vândalos, ameaçando os populares e efetuando tiros com armas de fogo. Os moradores relataram que os infratores possuíam um revolver e uma escopeta de fabricação caseira.

Na manhã seguinte ao ocorrido a 4 ª Companhia Independente de Polícia Militar (4 ª CIPM) destacou a guarnição do serviço reservado para a realização da busca e apreensão dos infratores, a intervenção policial foi intitulada de “Operação Andaraí”. Durante a operação foi detido o menor J.S., de 15 anos e Elderley Cordeiro, 29 anos que estavam realizando uma festa em um terreno abandonado.

Junto com eles foram apreendidos 01 (um) aparelho de som marca Toshiba; 01 (um) porta CDs contendo 16 discos em seu interior; 02 (duas) caixas acústicas de som; 01 (um) aparelho DVD marca CCE e 01 (um) motor gerador de energia cor azul.

Durante a abordagem policial, uma moradora reconheceu objetos que haviam sidos furtados de sua residência e que estavam em posse dos mesmos, orientada a mesma registrou ocorrência na delegacia de policia. Os dois detidos declararam ainda que na noite passada estavam com os infratores que realizaram os disparos com a arma de fogo. Diante dos fatos, os mesmos foram detidos.

Em prosseguimento a busca dos outros infratores a PM também capturou o autor dos disparos, Valnei do Carmo, de 24 anos, vulgo, “Babacho”, que se encontrava em sua residência na companhia de “Dão” foragido da justiça por crime de homicídio cometido na cidade de Humaitá. Em seguida foi detido Enderson Oliveira, 18 anos, vulgo “Miguelzinho”, que também já foi preso por crime de homicídio.

De acordo com “Babacho” a arma se encontra em poder de um dos cúmplices da quadrilha conhecido como “Passarinho” que ainda se encontra foragido. A assessoria da policia militar orienta a população para denunciar através dos telefones disponíveis (190) e 3373-3736. Sua identidade será preservada quando da denúncia. 

Fonte: Jornal O Curumim
Foto: PM de Humaitá-Am