06 dezembro 2010

Edital de concurso para PM sai até dezembro, informa governo

Em matéria publicada no portal do jornal D24AM de Manaus, salienta que o governador Omar Aziz (PMN) disse nesta sexta (12/11), durante visita à direção da Editora Ana Cássia, que “até o final deste mês ou início de dezembro” o governo do Estado lançará o edital de concurso público da Polícia Militar para 2.500 vagas. O edital foi encomendado ao Comando da Polícia Militar, com prazo para ser concluído até o final de novembro.

O governador, acompanhado do ex-ministro da Integração Nacional, Egberto Baptista, e do publicitário Paulo Alves, almoçou com o presidente da Editora Ana Cássia, Cassiano Anunciação, e os vice-presidentes Francisco Cirilo Anunciação Neto e Ciro Batará Anunciação. A Ana Cássia edita os jornais DIÁRIO DO AMAZONAS e DEZ Minutos e o Portal D24AM.

O comandante da PM, Coronel Dan Câmara, informou que na próxima terça-feira (16/11) terá uma audiência com o governador para a assinatura de documentos e o acerto de detalhes do concurso. “Na verdade, o edital está praticamente pronto e precisamos da liberação do governador para fazer os ajustes necessários. Mas acredito que até o final deste mês ele será publicado”, disse. Uma das entidades cotadas para realizar o concurso é a Fundação Getúlio Vargas, segundo o coronel.

Dan Câmara também disse as 2.500 vagas (300 das quais para oficiais) podem ser ampliadas para até 2.700 para se adequar à lei que prevê um efetivo de 10 mil policiais militares no Estado. “Hoje, o nosso efetivo é de 7,4 mil e vamos tentar adequar o concurso para que a exigência legal de 10 mil seja cumprida”. Essa adequação depende de autorização do governador.

Omar Aziz disse que o concurso é necessário para a implementação do programa ‘Ronda nos Bairros’, apresentado durante a campanha eleitoral como proposta de combate à violência na cidade de Manaus. “Nós vamos implementar esse programa em  toda a Manaus em 2011 e depois partiremos para o interior do Estado. Serão 190 áreas em Manaus que já estamos mapeando”, disse.

Paralelo ao concurso, o governador disse que vai providenciar as licitações para a compra de viaturas e equipamentos para o programa. “Nós vamos ter uma viatura e duas motos em cada área e vamos providenciar essa estrutura, junto com o concurso”, disse.

Omar também disse que os novos policiais civis e delegados selecionados em curso público este ano serão nomeados em janeiro de 2011. As nomeações não serão feitas em 2010 porque a lei eleitoral veda o contrato de novos servidores em ano de eleição, mesmo que aprovados em concurso público. “Com esses policiais civis e mais os militares que entrarão por concurso, daremos um grande reforço à segurança pública”, disse o governador.

Fonte e Foto: D24AM