18 abril 2011

Contrabandista tenta subornar Policial com 4 mil reais em Humaitá e é preso


A Polícia Militar prendeu neste fim de semana, no município de Humaitá-AM, o nacional Ocitávio Ribeiro de Souza, 29 anos, morador do Bairro Santo Antônio (Matinha), após ser pego com cigarros contrabandeados da Bolívia e tentar subornar os policiais militares oferecendo 4 mil reais para que não fosse preso. A prisão ocorreu depois do mesmo ser abordado chegando no município pela rodovia BR-319, que liga Humaitá-AM a Porto Velho-RO.

De acordo com o Boletim Único de Ocorrência (BUO), o acusado ao se aproximar da barreira colocada pelos fiscais na altura do km 8 acelerou o carro em direção à cidade de Humaitá-AM, não parando, inclusive, quando se deparou com uma viatura da polícia na altura da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB), que vinha no sentido contrário. 

Ao revistar o veículo a PM apreendeu 21 (vinte e uma) caixas de cigarros importados, contendo um total de 1.050 (Hum mil e cinqüenta) maços de cigarros, R$ 2.000,00 ( dois mil reais) em espécie, 03 (três) folhas de cheques em branco e 01 (um) carro celta placa 2059. 

A PM de Humaitá informou ainda que o acusado tentou subornar um dos policiais envolvidos na operação, oferecendo-lhe R$ 4.000,00 (quatro mil reais em espécie). Depois de dada a voz de prisão e mencionado seus direitos, Ocitávio foi conduzido e apresentado na 8ª Delegacia Regional de Polícia Civil (8ª DRPC) onde foi flagranteado por contrabando e corrupção ativa. 

Conforme o BUO o acusado declarou que comprou o material na cidade de Porto Velho-RO pelo valor de R$ 13.300,00 (treze mil reais) e venderia nos comércios de Humaitá-AM, onde teria um lucro de aproximadamente R$ 5.000,00 (cinco mil reais). 

Fonte: Seção de Comunicação da 4ª CIPM.