10 outubro 2011

PMRO prende humaitaense suspeito de sequestro

No último dia (08) sábado, um homem foi preso pela PM de Porto Velho-RO, acusado de sequestro. A vítima, o empresário do ramo imobiliário A.C.M.N., de 43 anos, que viveu momentos de terror por quase 07 (sete) horas, mas conseguiu desvencilhar-se dos sequestradores e fugiu da Avenida Alexandre Guimarães esquina com a Campos Sales e foi até a Central de Polícia pedir socorro. 



"O empresário relatou que foi torturado e ameaçado com uma arma apontada para sua cabeça, onde os sequestradores queriam se apossar de todos os seus bens de valor (cartões de crédito, dinheiro, sabiam de seu ramo empresarial)."

Uma guarnição da PM de imediato fez o cerco e localizou o veículo usado na tentativa de sequestro na altura da Avenida Geraldo Siqueira, zona sul da capital, um I30 da Hyundai, placa NEA-5671, próximo ao Hospital João Paulo II. Um Policial Militar quase foi atropelado ao tentar parar o veículo, outros três homens não identificados escaparam. 


O acusado atende pela alcunha de Josemar Lelo Santiago, vulgo "sapo"que foi preso na Avenida Campos Sales em frente ao condomínio da Eletronorte, juntamente com o veículo, como também uma pistola .40 municiada, no porta malas do veículo, a Polícia Militar encontrou também vários sacos de estopa e panos, tudo indicava que a vítima poderia vir a seri assassinada.


Segundo a Polícia Militar, o ato pode ter sido uma tentativa de acerto de contas, sendo que a vítima deve R$ 7.000,00 reais para o acusado. Josemar, que já fora condenado pelo crime de homicídio em Humaitá-AM, é filho do presidente da câmara de vereadores de Humaitá-AM, consigo foram apreendidos também a quantia de R$ 2.800,00 reais.


Fonte e Foto: Newsrondonia e Rondônia ao Vivo