08 fevereiro 2012

Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) da PM e PC do Amazonas Serão Encaminhados a ALEAM

A Lei de Subsídio dos Policiais Militares e o Plano de Cargos, Carreiras e Salários da Polícia Civil e Militar aguardam anúncio do Governador Omar Aziz. O plano da PC já está pronto, mas aguarda concluir o da Polícia Militar para seguir para a Assembléia Legislativa do Amazonas. Ambos serão pagos com data retroativa a Janeiro de 2012.

Dirigentes das entidades dos policiais civis e militar
Os Planos de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) das polícias Civil e Militar que estão sendo ajustados pelo Governo do Estado, devem ser encaminhados juntos para aprovação pela Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM) dentro dos próximos dias. A garantia foi dada pelo presidente da Comissão de Segurança Pública da ALEAM, deputado estadual Cabo Maciel (PR), em reunião com representantes das categorias.Ele acredita que até sexta-feira (10), essa situação esteja definida.

Segundo o deputado, o plano da Polícia Civil está pronto, mas o da Polícia Militar está em fase de ajustes de cálculos da tabela de vencimentos. “O governador teve acesso as tabelas ontem (06) e já mandou para a (Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) fazer o fechamento”, argumentou.

Moacir Maia foi tirar dúvida sobre PCCS na Aleam
O parlamentar deixou claro que os ganhos salariais do PCCS dos policiais será retroativo a 1º de janeiro e beneficiará mais de 7 mil PMs.

O PCCS da Polícia Civil, de acordo com o presidente do Sindicato dos Funcionários da Polícia Civil do Amazonas (Sinpol-AM), Moacir Maia, já está todo formatado, aguardando apenas a assinatura da mensagem pelo governador Omar Aziz (PSD) e deverá beneficiar 2.470 servidores, entre delegados, peritos e investigadores. “Estamos pleiteando que a diferença salarial de uma classe para outra — classe especial, 1ª, 2ª, 3ª e 4ª — seja de 10%”, explicou.

O quadro de pessoal da PMAM é maior e precisa de 
mais tempo para que ninguém seja prejudicado
Maia garantiu que hoje a diferença entre a classe especial e a classe subsequente, de policial de 1ª classe, é de R$ 2.400, e para as demais classes é de R$ 100. Com o novo PCCS, o piso salarial passaria para R$ 2.999,00 (policial de 4ª classe), R$ 3.100 (3ª classe), R$ 3.300 (2ª classe) e R$ 3.400 (1ª). Segundo ele, a categoria está em negociação desde maio do ano passado, quando entraram em greve. Ele disse que a promessa, era a de que no início dos trabalhos legislativos seria encaminhado para votação. 

Dr. Mário Aufiero, Dep. Cabo Maciel e Moacir Maia
O presidente da Associação de Delegados da Polícia Civil (Adepol), Mário Aufiero, também ressaltou a importância da reunião com Cabo Maciel. “Viemos cobrar um prazo definitivo para o encaminhamento da mensagem. A categoria está ansiosa”, completou. 

Cabo Maciel explicou que o PCCS da Civil só não foi encaminhado porque o governador quer mandar os dois planos juntos. Segundo ele, os planos devem ser discutidos com as duas categorias. 

Cadastro de Reserva do Concurso da PMAM 2011

Dep. Cabo Maciel atende militares do Cadastro Reserva

Candidatos aprovados no concurso da Polícia Militar para o cadastro reserva também estiveram hoje na galeria da Casa Legislativa. Eles demonstraram estar temerosos com o anúncio feito pelo governo, do novo concurso público, sem que tenham sido chamados para vagas remanescentes. Sobre o assunto, Cabo Maciel explicou que não é favorável a novo concurso se ainda há candidatos aprovados aguardando serem chamados. Mas disse que vai conversar sobre o assunto com o governador Omar Aziz.

Fonte e Foto: Blog do Cabo Maciel