02 maio 2012

Cadê o Reajuste da Data Base dos Militares Estaduais ???


Policiais e Bombeiros Militares do Amazonas receberam o retroativo de aumento fornecido pelo governo do estado, muitos não ficaram satisfeitos e não compreenderam o cálculo feito pela SEAD e nem condiz com o cálculo feito pelo Deputado Cabo Maciel na planilha divulgada em todos os municípios. 
Sabemos que a luta foi intensa nos últimos meses, muita negociação com o governo do estado do Amazonas, agradecemos ao empenho do Deputado Cabo Maciel e sua Comissão, além do esforço das associações, sabemos que negociar com o governo não é fácil, Ele dá com uma mão e tira com a outra. 
Os Policiais e Bombeiros Militares receberam no último dia 13.04, o retroativo referente a nova Lei de Projeção Salarial, conquistada com muita luta junto ao governador Omar Aziz.
Mas o valor pago foi somente cerca de R$ 590,00 reais, então convenhamos com o seguinte raciocínio, se o retroativo era referente ao mês de janeiro de 2012 e percebemos somente em abril de 2012, totalizam 03 meses certo, então os R$ 590,00 reais divididos por 3 chega-se a uma igualdade de R$ 196,00 reais,  esse seria o nosso ganho real, cerca de 8% de aumentoMas já tínhamos isto todos os anos... Ou estamos enganados ? E segundo falácias teríamos um aumento em 2012 de cerca de 11,30 %
Será que alguém poderia se posicionar e explicar a classe militar estadual o que aconteceu ? Aliás como ficará o pagamento ou reajuste da data-base que seria um reajuste anual de cerca de 5% a 6% todos os anos no mês de Abril no dia 21 ? Será que o governo do estado não irá cortá-lo e trocar 6 por meia dúzia ? Será que não estamos caindo no conto do vigário novamente ? Já estamos cansados de promessas e enganações. 
Cadê o reajuste da data-base ? Será que nos contentamos em sempre ser injustiçados ? Será que o governo não cortou o reajuste da data-base, alguém disse no Facebook que a data-base agora é Lei, heheheh é pra acabar, desde que foi criada é um projeto de Lei e sempre foi cumprido pelo governo do estado do Amazonas. 
Convenhamos aqui uma humilde simulação, por exemplo um Soldado 2, obteve um aumento em seu contracheque em seu Soldo passando de R$ 630,01 em Março para R$ 829,83 em Abril, um aumento então de R$ 199,82, daí o Amazonprev levou desta fatia R$ 21,97 e o Leão com o imposto de renda mais R$ 73,22, sobrando a este pobre mortal um reajuste de apenas R$ 104,63, para contentar-se o ano inteiro, não houve reajuste da gratificação de motorista, nem do auxilio moradia.      
Fonte: Seção de Comunicação Blog do Leão Foto: Imagens Google