01 julho 2012

"Operação Soberania" - Desmonta Garimpo no Sul do Amazonas


O IBAMA juntamente com policiais militares do Batalhão de Policiamento Ambiental apreenderam maquinário e detiveram cerca de 20 pessoas, em Santo Antônio do Matupí, Km-180 da BR-230 Transamazônica, pertencente ao município de Manicoré-AM, onde um garimpo irregular estava sendo explorado há alguns meses.
De acordo com a assessoria do IBAMA,  cerca de vinte pessoas foram detidas na quinta-feira (28/06) à tarde, na comunidade Santo Antônio do Matupí, localizada no quilômetro 180 da rodovia Transamazônica, no município de Manicoré-AM à 333 quilômetros de Manaus-AM, por agentes fiscais do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis - IBAMA e por policiais militares do Batalhão de Policiamento Ambiental - BPAMB.
Durante uma atividade da "Operação Soberania", após serem flagradas tentando extrair ouro do local, mais precisamente na linha União, Km-156 da BR-230, adentrando cerca de 12  quilômetros.
O lugar de garimpagem está localizado nas proximidades da área indígena da etnia Tenharin e já havia sido fechada pelo IBAMA ano passado.
Além da detenção dos garimpeiros, cerca de 30 motores estacionários – que servem para retirar terra, dois caminhões, um trator (carregadeira) e uma pá-mecânica (escavadeira), armas e droga, também foram apreendidos e removidos a gerência do IBAMA/Humaitá-AM.  
O equipamento teria sido alugado pelo grupo detido, para explorar ouro em um garimpo conhecido na região como “”Garimpo de Ouro do 180”.
Os 20 detidos foram conduzidos à delegacia da área, onde foram oitivados e liberados, após assinarem um Termo Circunstacial de Ocorrência (TCO).  
A expectativa do IBAMA é a de que a Polícia Militar consiga identificar os proprietários dos equipamentos, para que possam ser aplicadas as multas contra os mesmos, que já são reincidentes.
Na sexta-feira (29/06), o IBAMA e os policiais militares do BPAMB retornarão ao local para realizar o inventário dos equipamentos, além de garantir que a área não volte a ser ocupada por garimpeiros novamente.      
Em 2011, o IBAMA realizou uma ação semelhante no mesmo local, mas os garimpeiros retornaram novamente para a área, reativando o garimpo que é ilegal.
Fonte: A Crítica (Adaptado) e Foto: Seção de Comunicação Blog do Leão