26 outubro 2014

Governador José Melo, do PROS, é reeleito no Amazonas

José Melo faz 'V' de vitória após votação no segundo turno (Foto: Divulgação/Assessoria)
O estado do Amazonas ganhará e muito com essa conquista do povo amazonense, juntos somos fortes, governador José Melo. Em Humaitá-AM obteve cerca de 10 mil votos.
José Melo, do PROS, foi reeleito neste domingo (26) governador do Amazonas para os próximos quatro anos. Com 99,95% das urnas apuradas, o candidato teve 55,55% dos votos válidos. (confira a apuração completa no estado). Contra 44,45% do outro.
Em coletiva de imprensa concedida logo após a divulgação do resultado, o governador reeleito falou sobre ações que devem ser realizadas após a campanha e agracedeu o apoio dos eleitores. "Nossa prioridade é educação. Vai ser a âncora do nosso governo. A partir dela, vamos enfrentar todos os problemas do estado", declarou Melo, acrescentando que os primeiros dias pós-campanha serão de descanso.  "Vou amanhã pegar um barco e passar quatro dias no Piauini, descansando para começarmos a formatar o novo governo", disse.
Derrotado por Melo, o ex-governador e atual Senador pelo Amazonas, Eduardo Braga (PDMB), teve 44,45% dos votos. Após a apuração, Braga cancelou a coletiva de imprensa marcada para a noite deste domingo. Em nota, assinada em conjunto com a candidata a vice Rebecca Garcia (PP), ele diz desejar "que os próximos anos sejam de paz". "Esperamos que os problemas que afligem nossa população, principalmente a crescente onda de violência, as filas nos hospitais, o déficit na educação e a crise na mobilidade urbana, sejam sanados de forma satisfatória", afirmou.
arte raio-X amazonas (Foto: Arte/G1 AM)
José Melo, de 68 anos, é economista formado pela Universidade Federal do Amazonas. Atual governador do Amazonas, ele foi deputado federal duas vezes, em 1994 e em 1998. Em 2002, elegeu-se deputado estadual. O candidato já atuou como delegado do Ministério da Educação e Cultura, foi secretário de Educação e Cultura e secretário Municipal de Educação. Também esteve à frente do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário do Amazonas (Idam), da Secretaria de Estado de Coordenação do Interior (Seint) e da Sociedade de Navegação Portos e Hidrovias do Amazonas (SNPH). Em 2006, assumiu a Secretaria de Governo do Amazonas (Segov). Em abril de 2014, Melo assumiu o cargo de governador após a desincompatibilização de Omar Aziz, de quem era vice-governador.
Campanha
Durante toda a campanha do 1º turno, José Melo apareceu em segundo lugar nas pesquisas eleitorais divulgadas pela TV Amazonas. Levantamento feito pelo G1 mostrou que o atual governador obteve a maioria dos votos válidos em 25 cidades, incluindo Manaus - maior colégio eleitoral do estado, com 40,39% contra 37,89% do adversário.  O senador e ex-governador, Eduardo Braga, venceu a disputa eleitoral em 37 dos 62 municípios no primeiro turno.

Candidato à reeleição teve a maioria dos votos válidos, no segundo turno. Apuração dos votos no estado começou às 18 horas, horário local.


Fonte e Foto: G1